A Macau chinesa: o Iao Hon - 中国澳门 : 祐汉

Hoje a tarde resolvi passear pelos lados da Macau chinesa. Não me refiro ao bazar chinês mas sim à zona respeitante ao bairro Iao Hon, localizada perto das Portas do Cerco. Aqui estabelecem-se essencialmente os chineses do continente. É interessante ver as diferenças entre as pessoas que constituem a população de Macau.
De facto aqui as pessoas são diferentes daquelas que vemos mais para o centro. Parecem ser pessoas de condição social mais modesta. Não se costuma encontrar turistas europeus por estas bandas.
Quando a Hong Ieng cá vivia e trabalhava eu costumava vir para cá de vez em quando. Este facto incomodava-a muito pois dizia não ser um sítio seguro para estrangeiros, essencialmente à noite, que é quando eu lá ia. Depois, creio que havia também o desconforto de ela lá ser vista com um europeu.

Fui visitar o templo de Ling Fung onde descansei cerca de meia hora.

Foi também naquela zona que passei por uma situação menos agradável ao ser atendido de uma forma pouco simpática numa espécie de pastelaria.
Pode ter sido um pequeno pormenor, mas é sempre desagradável quando percebemos que alguém está sem paciência para nós, falando de uma forma pouco simpática e sem conseguirmos entender nada!
Mas pronto.

1 comment:

Maria Jose said...

Já que não nos perguntou quanto às cores desta página posso desde já adiantar-lhe antes que me pergunte que acho o título muito sério, demasiado extenso e sem qq sentido de ironia. olhe já agora comece as frases com: "querido diário".
sabe que eu sou má não sabe? mas é a vantagem e a graça de se ser comentadora nos blogues dos amigos, doutra forma pra quê perder tempo??